Os melhores passeios a pé nas Termas de Manteigas!

7 Shares
7
0
0

As Termas de Manteigas são o destino ideal para quem procura conciliar tratamentos termais de qualidade com a descoberta da natureza em estado puro, contribuindo assim para a promoção do bem-estar físico e espiritual.

Inseridas em pleno Parque Natural da Serra da Estrela, as Termas constituem um excelente ponto de partida fantásticos percursos a pé, dos melhores que pode realizar nosso país.

Conheça neste artigo algumas das caminhadas que pode realizar junto às Termas de Manteigas!

Termas de Manteigas

Percurso especial:

Circuito das Termas de Manteigas

Tipo: Linear (entre o Covão d’Ametade e as Termas de Manteigas)

Sentido aconselhado: Descendente

Coordenadas do início: 40°19’41.1″N 7°35’11.7″W

Altitude mínima / máxima: 810 m / 1430 m

Dificuldade: Média

Extensão: 9 km

Início do percurso: Covão d’Ametade.

O CIRCUITO DAS TERMAS DE MANTEIGAS, desenvolvido pelas Termas Centro, é um percurso pedestre que percorre os trilhos e as paisagens de montanha ao longo do magnífico Vale Glaciar do Zêzere, praticamente desde a nascente do rio até ao balneário termal. O trilho, ao início com declive abrupto e que obriga a olhar onde colocar os pés, torna-se gradualmente mais amplo para se poder tirar os olhos do chão e admirar a beleza imensa e inconfundível do Vale e da Serra da Estrela.

É a opção perfeita para um descontraído passeio ao ar livre e recomendado como terapia complementar à cura pelas águas. Este percurso é coincidente com o traçado do percurso pedestre de pequena rota PR6 – Rota do Glaciar e com a Grande Rota do Zêzere, fazendo parte de uma rede de circuitos pedestres implementados nas estâncias termais da Região Centro para promoção do lazer ativo ao ar livre e da descoberta do património natural e cultural local.

Mais informações: https://termascentro.pt/application/files/8315/3000/1129/Folheto_C_Pedestre_Caldas_de_Manteigas.pdf

Outros percursos (sugestões do site Manteigas Trilhos Verdes):

A – Percursos pedestres de dificuldade baixa

Rota da Vila (PR3MTG)

Tipo: Circular

Coordenadas de início: 7º32’16.10″W 40º24’10.45″N

Altitude mínima / máxima: 740 m / 804 m

Sentido aconselhado: Contrário ao dos ponteiros do relógio

Extensão: 1,8 km | 2,3 km (com variantes)

Início do percurso: junto à igreja de Santa Maria, na Vila de Manteigas.

Pontos de interesse: vistas sobre a Vila de Manteigas; arruamentos típicos; casas tradicionais e monumentos.

Manteigas

Rota do Sol (PR11MTG)

Tipo: Circular

Coordenadas de início: 7º32’12.43″W 40º24’10.37″N

Altitude mínima / máxima: 684 m / 779 m

Sentido aconselhado: Ponteiros do relógio

Extensão: 4 km | 8,5 km (com derivações)

Início do percurso: junto ao Posto de Turismo de Manteigas. Pontos de interesse: agricultura tradicional; socalcos; levadas; casas típicas da serra; panorâmicas sobre o Vale Glaciar do Zêzere.

Rota do Sol

B – Percursos pedestres de dificuldade média

Rota do Poço do Inferno (PR1MTG)

Tipo: Circular

Coordenadas do início W: 7º31’03.88″W 40º22’24.81″N

Altitude início: 1081 m

Altitude mínima / máxima: 1081 m / 1150 m

Sentido aconselhado: Contrário ao dos ponteiros do relógio

Extensão: 2,5 km

Início do percurso: junto ao parque de estacionamento do Poço do Inferno.

Pontos de interesse: Cascata do Poço do Inferno; vista sobre o vale do Rio Zêzere e o vale da Ribeira de Leandres.

Rota do Poço do Inferno

Rota do Javali (PR2MTG)

Tipo: Circular

Coordenadas do início: 7º32’14.02″W 40º23’42.85″N

Altitude mínima / máxima: 720 m / 1306 m

Sentido aconselhado: Ponteiros do relógio

Extensão: 11km

Início do percurso: junto ao bairro de Santo António, em Manteigas. Pontos de interesse: vista panorâmica sobre a vila de Manteigas; cruzar o interior de florestas magníficas; subir ao topo da ribeira de Leandres; sentir a cascata do Poço do Inferno.

Rota do Javali

Rota do Glaciar (PR6MTG)

Tipo: Linear

Coordenadas de início: Na Vila – 7º32’22.79″W / 40º24’00.70″N Na Torre – 7º36’44.99″W / 40º19’20.04″N

Altitude mínima / máxima: 755 m / 1989 m

Extensão: 17,2 km

Início do percurso: junto à Igreja de São Pedro, na Vila de Manteigas, ou na Torre.

Pontos de interesse: Vale Glaciar do Zêzere; Covão d’ Ametade; Covão do Ferro; Cântaro Magro; Cântaro Gordo; Espinhaço do Cão (moreia); Poio do Judeu; Pedra do Equilíbrio; Covão Cimeiro; Barroca dos Teixos; Covão do Boi.

Rota do Glaciar

Rota dos Poios Brancos (PR7MTG)

Tipo: Circular

Coordenadas de início: 7º34’14.01″W 40º19’36.26″N

Altitude mínima / máxima: 1440 m / 1680 m

Sentido aconselhado: Ponteiros do relógio

Extensão: 7,9 km | 25,4 km (com derivações)

Início do percurso: entre o Covão d´Ametade e a Nave de Santo António, no cruzamento para a Serra de Baixo.

Pontos de interesse: aglomerado granítico dos Poios Brancos; Nave de Santo António; Covão d’Ametade; Covão da Abelha.

Rota dos Poios Brancos

Rota da Reboleira (PR8MTG)

Tipo: Circular

Coordenadas de início: 7º28’08.83″W 40º24’38.50″N

Altitude mínima / máxima: 566 m / 1052 m

Sentido aconselhado: Contrário ao dos ponteiros do relógio

Extensão: 15,8 km | 25,8 km (com derivações)

Início do percurso: junto à pista de esqui do Skiparque.

Pontos de interesse: povoados serranos; socalcos; lameiros; bosques; pista de esqui.

Rota da Reboleira

Rota da Azinha (PR10MTG)

Tipo: Circular

Coordenadas de início: 7º28’04.13″W 40º24’41.70″N

Altitude mínima / máxima: 574 m / 1243 m

Sentido aconselhado: Contrário ao dos ponteiros do relógio

Extensão: 18,4 km | 20 km (com derivações)

Início do percurso: junto à ponte de madeira, no Skiparque.

Pontos de interesse: campos agrícolas; levadas; Cabeço da Azinha; casa do Guarda-Florestal.

Rota da Azinha

Rota das Faias (PR13MTG)

Tipo: Circular

Coordenadas de início: 7º30’58.95″W 40º25’24.79″N

Altitude mínima / máxima: 880 m / 1174 m

Sentido aconselhado: Ponteiros do relógio

Extensão: 5,4 km | 6,5 km (com derivações)

Início do percurso: junto à Cruz das Jugadas.

Pontos de interesse: vegetação esplendorosa e paisagens fulgurantes.

Rota das Faias

Rota do Corredor de Mouros (PR14MTG)

Tipo: Circular

Coordenadas de início: 7º30’54.83″W 40º26’31.60″N

Altitude mínima / máxima: 925 m / 1298 m

Sentido aconselhado: Contrário ao dos ponteiros do relógio

Extensão: 15,5 km

Início do percurso: junto ao Covão da Ponte.

Pontos de interesse: biodiversidade; Corredor de Mouros; afloramentos quartzíticos; Covão da Ponte.

Rota do Corredor dos Mouros

Rota das Quartelas (PR16MTG)

Tipo: Circular

Coordenadas de início: 7º32’24.96″W 40º24’14.46″N

Altitude mínima / máxima: 777 m / 1026 m

Sentido aconselhado: Ponteiros do relógio

Extensão: 5,3 km

Início do percurso: junto ao Bairro 25 de Abril, na Vila de Manteigas.

Pontos de interesse: tradições da agricultura e da pastorícia de Manteigas.

Rota das Quartelas

C – Percursos pedestres de dificuldade elevada

Rota do Carvão (PR4MTG)

Tipo: Circular

Coordenadas de início: 7º32’28.35″W 40º24’2.22″N

Altitude mínima / máxima: 767 m / 1683 m

Sentido aconselhado: Contrário ao dos ponteiros do relógio

Extensão: 20 km

Início do percurso: junto ao Arquivo Municipal de Manteigas.

Pontos de interesse: Penhas Douradas, Nave da Mestra, Vale das Éguas, Vale do Rossim, Vale Glaciar; Observatório Meteorológico.

Rota do Carvão

Rota do Maciço Central (PR5MTG)

Tipo: Circular

Coordenadas de início:  7º36’23.61″W 40º19’41.06″N

Altitude mínima / máxima: 1423 m / 1931 m

Sentido aconselhado: Ponteiros do relógio

Extensão: 10 km | 19,6 km (com derivações)

Início do percurso: Covão d´Ametade.

Pontos de interesse: Covão d’ Ametade; Covão Cimeiro; os Cântaros (Magro, Gordo e Raso); Salgadeiras; a Lagoa do Peixão (ou da Paixão); a Ribeira da Candeeira; Nave da Mestra.

Rota do Maciço Central

Mais informações sobre as Termas de Manteigas aqui.

www.termascentro.pt

7 Shares
Também pode gostar

Ver e fazerLuso: roteiro pela vila termal (e arredores)

Os territórios onde estão implantadas as estâncias termais da rede Termas Centro são verdadeiramente deslumbrantes. Um período passado nas Termas é, por isso, recompensador de diversas formas. Além de contribuírem para a regeneração do corpo, sendo eficazes no tratamento de…

Ver e fazer8 passeios a não perder nas Caldas da Rainha

Passar tempo de qualidade nas Termas Centro é optar por centros de excelência que proporcionam os melhores cuidados de saúde. Significa, também, escolher um destino ideal para relaxar e reencontrar-se consigo mesma(o) e com os seus. Mas representa muito mais…

Viva Termas CentroMousse de coco e limão

Em 2017, as Termas Centro iniciaram o Ciclo de Eventos “Viva Termas Centro”, com o objetivo de dinamizar as estâncias termais da região. Entre as várias iniciativas já realizadas, destacam-se os workshops de degustação nas várias estâncias termais, da autoria…

Viva Termas CentroGratinado de peixe e batata-doce

Em 2017, as Termas Centro iniciaram o Ciclo de Eventos “Viva Termas Centro”, com o objetivo de dinamizar as estâncias termais da região. Entre as várias iniciativas já realizadas, destacam-se os workshops de degustação nas várias estâncias termais, da autoria…